PoderWAP™ Conteúdos Totalmente Gratuitos www.PoderWAP.info
Buscar
Resultados por:
Busca avançada
Últimos assuntos
Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Galeria


Conectar-se
Votação
Vais ver Red Bull Air Race?


Compartilhe
Ver o tópico anteriorVer o tópico seguinte
avatar
Admin
Mensagens : 654
Pontos de Prémios : 2147486291
Data de inscrição : 24/08/2010
Idade : 29
Localização : Portugal
Ver perfil do usuáriohttp://www.poderwap.info
18082017




A ANACOM defende a cessação imediata da campanha "2 GB adicionais de internet" da Meo, considerando-a "lesiva dos interesses dos assinantes e incompatível com diversas disposições legais", anunciou hoje o regulador das comunicações.




"A ANACOM recebeu nos últimos dias um número significativo de reclamações relacionadas com uma campanha da Meo que atribui aos seus assinantes 2 GB [gigabytes] adicionais de internet móvel para utilização até 31 de agosto, sem custos. A partir dessa data, o tráfego extra atribuído passará a ser pago. De acordo com as condições anunciadas, os assinantes que não queiram suportar esses custos adicionais a partir de 1 de setembro deverão contactar a Meo nesse sentido", lê-se no comunicado da entidade.

A ANACOM "considera que a prática seguida pela Meo nesta campanha, de fazer equivaler o silêncio dos assinantes a uma declaração de aceitação, é lesiva dos interesses dos assinantes e incompatível com diversas disposições legais, nomeadamente, a Lei das Comunicações Eletrónicas", realçou o regulador, que aprovou um projeto de decisão que determina várias condições à Meo, que só vão ter efeito depois de terminar o período de audiência prévia do operador.

Desde logo, o regulador prevê "a cessação imediata da campanha nos termos em que está a ter lugar e a adoção das medidas necessárias para corrigir a situação".

Depois, a ANACOM exige "a comunicação, aos assinantes que já tenham sido contactados, de que aquelas propostas de alteração contratual só se efetivam se estes manifestarem expressamente o seu acordo por escrito".

Finalmente, é decretada "a proibição de cobrança de quaisquer quantias associadas ao tráfego adicional sem que os assinantes tenham dado o seu acordo expresso".

A ANACOM vai tomar a decisão final sobre esta matéria após a audição da Meo.



Na semana passada, a ANACOM já tinha revelado que estava a analisar a campanha da Meo que oferece internet aos clientes em agosto, mas obriga a pagar após essa data se não cancelarem o serviço não solicitado.

Na altura, a associação de defesa do consumidor DECO considerou, em declarações ao PoderWAP, que é ilegal a campanha da operadora detida pela Altice e denunciou o caso à ANACOM.

O PoderWAP tentou obter hoje uma reação da Meo, mas tal não foi possível até ao momento.

Na semana passada, fonte oficial da Meo, contactada pelo PoderWAP, disse que o objetivo desta campanha é "premiar os seus clientes com uma oferta de serviços gratuita até 31 de agosto" e que, após essa data, os "clientes poderão manter estes serviços por um valor muito competitivo, com descontos entre os 50% e os 80% face ao mercado", numa oferta que "não implica qualquer fidelização ou contrapartida" e em que a "Meo garante a possibilidade de cancelamento de forma simples e gratuita, caso o cliente não pretenda continuar a usufruir da mesma".


Última edição por PoderWAP em Sex 18 Ago 2017 - 23:45, editado 1 vez(es) (Razão : fraude meo)

Regista-te para ler o resto do artigo completo

www.PoderWAP.info


PoderWAP
http://www.PoderWAP.info
ADD YOUTUBE
Compartilhar este artigo em:BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

Comentários

Nenhum comentário.

Ver o tópico anteriorVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum